>
>
>
>
Diagnóstico Padronizado (DPEF789)

Diagnóstico Padronizado (DPEF789)

 

DPEF789

 

FINALIDADE

Diferente dos tradicionais simulados de vestibular, que têm como finalidade principal o treino e a familiarização do aluno com certo tipo de prova, os Diagnósticos Padronizados da Primeira Escolha se destinam principalmente aos educadores da escola – professores, coordenadores e diretores –, tendo sido desenhado para que seus resultados possam embasar ajustes nos programas de ensino e na tomada de decisões institucionais que visam a melhoria da aprendizagem dos alunos. Os relatórios pedagógicos fornecidos pela Primeira Escolha, bem como o processo de devolutiva empregado, se prestam à identificação de fragilidades e potenciais dos alunos em habilidades específicas, não tendo em absoluto a pretensão de qualificar o trabalho da escola como bom ou ruim. Em outras palavras, não se confunde com uma avaliação dos profissionais da escola, mas trata-se de uma ferramenta de trabalho para esses profissionais. Essa perspectiva embasa-se na clareza de que o ensino proporcionado por uma escola decorre de múltiplos fatores que se entrelaçam para promover a aprendizagem dos alunos. E mais: de que as principais ferramentas de monitoramento dessa dinâmica são as avaliações internas da própria instituição. O Diagnóstico Padronizado, tal como vem sendo desenvolvido pela Primeira Escolha desde 2009, complementa as avaliações internas da escola, já que se distingue delas por gerar a possibilidade de uma avaliação ampliada no tempo, dentro de métricas comparáveis, que retroalimentam os processos de ensino com informações respaldadas em bases externas de referência.

 

CONCEITUAÇÃO

No ciclo de 7º a 9º ano, o Diagnóstico Padronizado da Primeira Escolha contempla as 4 áreas de conhecimento do ENEM: Linguagens, Matemática, Ciências Humanas e Ciências da Natureza. A Primeira Escolha considera que o ENEM avalia as aprendizagens dos alunos adquiridas não apenas no Ensino Médio, mas ao longo de toda a educação básica e, portanto, faz um recorte para o DPEF789 das habilidades propostas na matriz do exame nacional que estão adequadas a essa faixa etária. Consideram-se também os programas curriculares das escolas brasileiras no que diz respeito à escolha dos objetos de conhecimento que são abordados nas questões presentes nos instrumentos de avaliação. Em termos de formato, o DPEF789foi desenhado para estar adequado ao desenvolvimento cognitivo dos alunos das séries correspondentes, em termos de carga de leitura e complexidade dos itens, elaborados com 4 alternativas (ao invés de 5, como é o padrão do Ensino Médio).

 

DESCRIÇÃO

O DPEF789 tem como base a matriz do ENEM, cujas competências e habilidades são bastante amplas. Para constituir o banco de itens, a equipe de especialistas em avaliação da Primeira Escolha desenvolve um trabalho cuidadoso com os especialistas no conteúdo das áreas, que os elaboram, para detalhar o que cada item deve avaliar, por meio de sentenças descritoras específicas. Esse mecanismo permite que os objetos de conhecimento requeridos nos itens sejam abrangentes, mas sem correr o risco de demandarem conteúdo ao qual os alunos ainda não foram expostos. Cada item construído é validado pela Primeira Escolha, juntamente com estruturas, protocolos e atividades de avaliação para serem realizados nas escolas. Múltiplos cadernos são respondidos por alunos de cada série, de modo a abranger, do ponto de vista institucional, diferentes habilidades, de maneira bastante precisa, conforme detalhado no quadro a seguir.

 

ÁREA INSTRUMENTOS TEMPO DE APLICAÇÃO ITENS UTILIZADOS EM TODOS OS CADERNOS HABILIDADES DO ENEM AVALIADAS NO 7° ANO HABILIDADES DO ENEM AVALIADAS NO 8° ANO HABILIDADES DO ENEM AVALIADAS NO 9° ANO
LINGUAGENS Cadernos com 24 questões com 4 alternativas 2h 84 20 18 18
MATEMÁTICA Cadernos com 24 questões com 4 alternativas 2h 84 17 23 23
CIÊNCIAS HUMANAS Cadernos com 24 questões com 4 alternativas 2h 84 27 19 19
CIÊNCIAS DA NATUREZA Cadernos com 24 questões com 4 alternativas 2h 84 26 19 19

 

 

DIFERENCIAIS

          •Projeção dos resultados na escala do ENEM, permitindo um acompanhamento do aluno ao longo dos anos e possibilitando que a escola faça orientações individualizadas para o desenvolvimento discente.

          •Avaliação de cada habilidade por múltiplas questões, evitando que a dificuldade de itens específicos se sobreponha à avaliação das habilidades, o que torna mais fidedignos os resultados, do ponto de vista institucional.

          •Bases de referência com milhares de alunos no histórico do DPEF789, para que a escola possa analisar cada resultado e interpretá-lo dentro de suas próprias expectativas pedagógicas.

          •Relatórios analíticos e pedagógicos detalhados, disponibilizando à escola farta informação qualitativa e quantitativa para entendimento dos resultados.

          •Reunião de devolutiva (por videoconferência) da equipe pedagógica da Primeira Escolha com os profissionais da Escola, favorecendo a leitura dos resultados.

          •Liberação de 48 itens nos relatórios pedagógicos, para análise dos professores da escola, favorecendo a compreensão dos resultados e das habilidades.

          •Estatísticas detalhadas por habilidades, mostrando para a escola em quais habilidades os alunos mais avançaram e em quais precisam avançar mais.

 

O QUE A ESCOLA RECEBE

          •Guias e materiais de preparação (digitais).

          •Cadernos de prova e protocolos de aplicação (impressos).

          •Relatórios pedagógicos e analíticos (digitais).

          •Relatórios individuais dos alunos, para compartilhamento com as famílias (digitais).

          •Reunião de devolutiva com a equipe pedagógica da Primeira Escolha (videoconferência).

 

PERÍODO DE APLICAÇÃO

O DPEF789 é aplicado anualmente, no início do ano letivo, para o 7º, o 8º e o 9º ano do Ensino Fundamental. Em 2018, o período de aplicação será de 12 a 23/03, para todos os anos escolares envolvidos.

Post has no taxonomies